terça-feira, novembro 21, 2006

O livro dos bons principios

Em casa, ela apertava o saco do lixo quando ouviu um relógio bater as horas. Foi à janela e ficou lá parada durante muito tempo.

Depois lentamente desceu à calçada.

Ela nem queria, e dizia alto sempre que despejava o lixo, como quem despeja partes, eu nem preciso, nem quero. Mas queria cama, isso ela sabia que queria, aquele morno uterino de noite, a lembrar-lhe a dor da entrega em corpo. Corpo padecido em projecção furiosa e ávida, carnes frágeis.

Depois, tudo se lava, translúcida que arrasta o cheiro, as mãos, o hálito, as palavras fechadas no fundo da garganta.

Lavo-me e lavo-te. E despejo o lixo como te despejo a ti. Eu que nem preciso. Tu que me alivias e me transformas as formas em peso arrastado, só corpo, marcas de pés e mãos e cheiros, sem memórias.

Lavo-me. Devagar e minuciosamente, enquanto me escoo espiralada em espuma pelo ralo.

Hoje é só quinta-feira.

Terça-feira dir-te-ei que não precisas voltar. A ver.

17 comentários:

  1. O capiítulo II será editado no livro ;)

    terás notícias. beijo anorme e mais uma vez OBRIGADA, com letra grandes

    ResponderEliminar
  2. OBRIGADO eu pá!!
    Beijo

    ResponderEliminar
  3. Vê:
    http://livrodosbonsprincipios.wordpress.com/

    ResponderEliminar
  4. Sorry, está corrigido. beijokas

    ResponderEliminar
  5. Uau au au ;)
    Continuas de caneta com ponta afi(n)ada.
    Quem és tu? Ninguem? Deixa-te merdas que isso é pró romeiro.
    Publica-te

    ResponderEliminar
  6. Erecteu...
    quem é o romeiro?
    eu publico-me aqui pá!
    obrigado

    ResponderEliminar
  7. O romeiro não é ninguém, disse apontando para o quadro.

    ResponderEliminar
  8. Lixo e água cada um toma a que quer. O pior são as recordações dos dias de solidão e voltamos a atar as pontas do saco do lixo.

    ResponderEliminar
  9. nem mais marietree, nem mais...

    ResponderEliminar
  10. JP:

    Por este blogue estar no post, aqui fica o convite para o mesmo ser visionado:

    http://mategoinmente.blogspot.com

    ResponderEliminar
  11. cada vez que aqui passo mais fico admirado com tua "evolução" :)

    ResponderEliminar
  12. Gasel
    a malta tem que "evoluir" para algum lado
    :)

    ResponderEliminar
  13. Tudo se lava... mas Macbeth não conseguiu lavar o sangue das mãos.

    ResponderEliminar
  14. acho que foi mais da consciência Klatuu...

    ResponderEliminar