segunda-feira, fevereiro 21, 2005

Comemoração

É por demais evidente que eu devia estar pespegada à televisão, e não andar a cirandar por aí. Já tinha ouvido os carros lá fora a apitar, esta terra é muito festeira por sinal, e andava aos gambozinos pelo apartamento de luzes apagadas que eu sempre tive a mania que era pirilampo, e depois para que preciso eu da luz acesa se conheço bem as curvas e esquinas da vida, melhor conheço os 130metros quadrados desta casa, e eis-me a olhar tal qual mente um ciclope a espreitar com cuidado a sobrancelha direita que me doí como o caraças, e é uma dor grave latejante e cheia de sangue… e foda-se não é que abri mesmo o sobrolho??!!
Mas afinal que porra é esta, não é que tenho a sobrancelha aberta ao meio, com dois lábios e tudo!!
E dói-me esta merda!!!
Nem acredito nisto e amanhã que tinha ginásio, agora vai tu, o steri-strip em cima dos pelos e com suor não é das melhores ligações…

Cada um comemora as eleições como quer e como pode…dasse…

6 comentários:

  1. ...e os m eus parabéns ficam aqui na sala de visitas também, claro! :-)
    Beijinhos e muitos, muitos anos óptimos!

    ResponderEliminar
  2. Obrigado pázinho vou fazer por isso.

    ResponderEliminar
  3. Pois, cada um festeja como lhe apetece. Só espero que daqui a uns tempos não estejamos todos à cabeçada a um muro qualquer jorrando sangue por tudo quanto é sítio...

    ResponderEliminar
  4. Oh homem que dramatismo, e que falta de realismo. Não andamos todos à cabeçada à vida desde que nasçemos? Tanto pessimismo só gera mais pessimismo homem, relax.

    ResponderEliminar
  5. lol!!! Queres que te empreste o meu gato ;)*

    Bastet

    ResponderEliminar
  6. só se for para dar uma trancadinha nas minhas duas gatas, Bastet :P
    Mas obrigado

    ResponderEliminar